Você está em Home >> Saúde >> Unha encravada pode ser a causa do choro inexplicável dos bebês

Siga:                         Já fez o seu cadastro? Entre aqui.

Unha encravada pode ser a causa do choro inexplicável dos bebês

Especialista em Podologia Infantil desenvolveu uma abordagem diferenciada no atendimento a bebês e criança

O choro frequente do bebê, muitas vezes, pode não estar associado a cólicas ou dor de ouvido, mas a uma unha encravada que inflamou. A solução é recorrer a um especialista em Podologia Infantil. 

Pouco conhecida, a técnica é muito eficaz no tratamento do problema, desencadeado principalmente por conta de cortes irregulares da unha, meias e sapatos apertados, macacões e mijões justos ou constantes atritos do pezinho no bebê-conforto, cadeirinhas e carrinhos.

A herança genética também é uma das causas. “Quando os pais têm unha encravada, provavelmente, seus filhos apresentarão algum tipo de problema nos dedinhos”, afirma a especialista Yumi Ikeda, que atende crianças de todas as idades, inclusive recém-nascidos.

Em muitos casos, a mãe procura primeiramente pelo pediatra que, após o diagnóstico, encaminha a criança para o tratamento adequado com a podóloga infantil.

Em sua clínica, de mesmo nome, Yumi Ikeda desenvolveu uma abordagem diferenciada para o público infantil. “As crianças podem associar o ambiente clean da clínica com alguma situação de desconforto, por exemplo, um hospital ou posto de vacinação. Por isso, procuramos conquistar a confiança do pequeno cliente com alguns recursos lúdicos”, explica.

A primeira consulta consiste em uma análise detalhada do problema. “Algumas crianças chegam aqui sentindo dor no dedinho por conta da inflamação. Então, iniciamos o tratamento com muito cuidado e orientamos a mamãe sobre a forma e a periodicidade indicada para o corte da unha” acrescenta a especialista.

Para Yumi Ikeda, a saúde dos pés dos bebês começa com a prevenção. Além de massagear o cantinho dos dedos, ela aconselha: cortar regularmente as unhas com o auxílio de uma tesourinha ou cortador infantil; evitar o uso de meias e sapatos apertados e roupas justas nos pezinhos; e lavar bem as mãos com água e sabão antes do procedimento.

Já a frequência de visita para quem está em tratamento, deve ser realizada a cada três semanas ou conforme indicação do especialista. Mesmo que seja apenas para orientação adequada a respeito da periodicidade e o formato correto do corte das unhas da criança, sempre procurar por um especialista em Podologia Infantil.

 

Sobre Yumi Ikeda Podologia

Instalada no bairro da Mooca, a clínica é considerada pela mídia especializada referência no atendimento infantil. A especialista Yumi Ikeda dedica-se ao desenvolvimento e aperfeiçoamento de métodos especiais para o tratamento dos problemas específicos que acometem o público infantil.

Além disso, os profissionais da clínica atendem o público adulto e também são especializados no atendimento a pacientes diabéticos.

Mais informações no site da clínica: www.yumipodologia.com.br.

 

Clínica Infantil Reibscheid

 

| Enviar para um amigo | Imprimir | Comentar

 

Comentários

Nenhum comentário encontrado

Pediatria em foco

Atualidades | Comportamento | Doenças comuns | Higiene | MÍDIA | Nutrição | Puericultura | Saúde | Segurança | Vacinas | Curva do crescimento
DICAS | PERGUNTAS FREQUENTES | Cadastre-se

Pediatria em Foco © 2012. Todos os direitos reservados.

 

Clinica Infantil Reibscheid

Clínica Reibscheid | Links | Localização | Fale Conosco

Clínica Infantil Reibscheid © 2012. Todos os direitos reservados.

Telofone:  11 3801-2676

Horário de funcionamento / atendimento: Segunda a sexta, das 10h às 19h

 

Desenvolvido por: Floot Digital